bc

Cartas para Romeu

book_age16+
14
FOLLOW
1K
READ
billionaire
love-triangle
second chance
playboy
arrogant
boss
others
drama
bxg
humorous
like
intro-logo
Blurb

❛❛ Sei que você vai se casar em alguns dias, por isso estou mandando essas cartas, para você pensar se está se casando com a mulher certa. ❞

Já fazem cinco anos desde que Betty Cooper e Jughead Jones seguiram caminhos diferentes, e agora na véspera do casamento dele com Evelyn Evernever, Betty envia cartas que ela escrevia sobre os dois na época em que namoraram.

chap-preview
Free preview
Prólogo
Levando suas mãos até a gravata, Jughead Jones desfez o nó em sua gravata, se sentindo aliviado após ter passado o dia inteiro com aquilo enforcando seu pescoço. Após dobra-la, guardou dentro da pasta que levava lado a lado. O grande problema de trabalhar de terno era morar em Malibu e ter que estar sempre usando o terno, até mesmo nos dias mais quentes - no caso sempre estava quente em Malibu. Assim que as portas do elevador se abriram na cobertura de um prédio chique e caro em um dos bairros mais seguros da cidade, Jughead saiu e caminhou pelo pequeno corredor. Ele se impressionou quando chegou a porta de seu apartamento, vendo uma caixa de presente ali. A maioria dos convidados do casamento entregaria os presentes no dia do casamento e marcaria na lista de presente online, mas aquilo não parecia um presente normal. Um grande baú de madeira, parecendo envelhecido e pintado de dourado em algumas partes, com alguns desenhos delicados espalhados por ele. O moreno teve que fazer um esforço para levantar o baú pesado, abrir a porta do apartamento e entrar carregando o baú e sua pasta. Penélope, a cachorrinha chata e metida de sua noiva lhe lançou um olhar enojado, passando reto por ele e indo na direção oposta. Aquele era o grande apartamento da cobertura, ele achava muito grande e exagerado, já que moravam apenas ele e sua noiva, mas ficou ali para agrada-la. Decorado exatamente nos gostos de Evelyn, no tamanho que ela querida, tudo do jeito que ela queria e encomendou, mas comprado e pago por Jughead. - Acho que isso com certeza não é um presente de casamento.- Falou consigo mesmo, se sentando no sofá com o baú em seus braços. Sem se importar muito em sujar ou manchar o sofá branco da sua noiva, colocou o baú ali. Esticando os braços, agarrou o telefone. Novas correspondências e mensagens. Uma nova gravação de sua noiva. - Amorzinho, se você chegou e eu não estou em casa, significa que estou resolvendo as coisas do casamento, ainda estou tendo que esperar aqueles seus amigos estranhos que usam jaqueta de couro confirmarem a presença.- Sua voz melosa falou no outro lado, pela gravação.- Vou fazer um casamento lindo pra nós bebê da mamãe, prometo que vai ser o dia mais feliz de todas nossas vidas, te amo... ah, e não esquece de assinar o cheque. Jughead revirou os olhos para a voz infantil que sua noiva fazia ao falar com ele no telefone, decidindo ignorar. Seus olhos se voltaram para o baú e ele decidiu focar ali. Assim que abriu o baú, teve uma grande surpresa. Eram todas suas coisas da época de Riverdale, da época que ele era um serpente. Sua jaqueta, sua touca, sua camisa com o clássico "S", sua blusa xadrez e não menos importante, seu capacete. Ele sorriu, percebendo que aquelas coisas tinham trazido boas lembranças da época da sua adolescência, todas as aventuras e tudo que tinha vivido. Evelyn não sabia nem da metade. Embaixo de todas aquelas coisas, Jughead encontrou vários papéis, todos perfeitamente organizados e sepados, estavam separados por anos: 2017, 2018, 2019 e outros anos e também por todos os meses e dias. Quem seria capaz de organizar tudo aquilo perfeitamente? Apenas uma pessoa com mania de perfeição. Apenas uma pessoa passou pela cabeça dele. - Não, não pode ser... Ela não mandaria isso tudo, não cinco anos depois de termos terminado... Mas quem além de Betty Cooper mandaria cartas e teria acesso a todas as coisas antigas dele? Jughead engoliu em seco, pegando a primeira carta em suas mãos, sentindo suas mãos suarem e tremerem. Querido Jughead, Não sei que dia é para você que está recebendo isso, não sei se você está casado, ou se o casamento ainda não aconteceu... Apenas acho que você tem o direito de receber tudo isso aqui, já que fala da nossa história, de como começamos e também de como terminamos. Essas cartas eram como meu diário na época em que namorávamos, era como se eu fosse a escritora e contasse nossa história, mas hoje, eu como uma mulher adulta, não sabia o que fazer quando minha mãe me entregou essas cartas... Por isso decidi entregar para quem eu escrevi. Sei que você vai se casar em alguns dias, por isso estou mandando essas cartas, para você pensar se está se casando com a mulher certa. Espero que você pense sobre essas cartas na hora de dizer o sim no altar. Com amor, esperando que chegue até você antes do seu casamento, Betty Cooper ou melhor sua detetive, Nancy Drew.

editor-pick
Dreame-Editor's pick

bc

Tentação perigosa (Isa e H1)

read
1.0K
bc

A escolhida Poline

read
2.3K
bc

MIAMI BEACH

read
5.2K
bc

MINHA PEQUENA PACIENTE

read
5.3K
bc

OBSESSÃO (MORRO) prt.1

read
18.8K
bc

O Assassino de Aluguel

read
2.9K
bc

Mulher de traficante_ Volume 2

read
1.3K

Scan code to download app

download_iosApp Store
google icon
Google Play
Facebook